Total de visualizações de página

sexta-feira, 9 de maio de 2014

     

 Dois problemas surgiram para a apresentação do Veterano que hoje divulgamos como integrante do nosso grupo.
          O primeiro foi a recomendação quase peremptória de que nada disséssemos em E-P além do prefixo, nome , data de ingresso na R.N.R. e só ! nem uma linha sobre sua pessoa !
Eis ai o PYAE - atual prefixo- em uma foto
que não nos foi nada fácil de obter ...
Observa o detalhe: na lapela o es-
cudo da LABRE . Quantos o usarão, hoje ?
          O segundo problema o de ter o redator de desvencilhar-se, não só daquela recomendação, mas também dos vínculos sanguíneos que o ligam ( e muito, com muita honre e orgulho ) ao focalizado linhas abaixo...
          Trata-se do ex-presidente da LABRE , ex-Diretor em várias gestões , integrante _ embora afastado por motivos óbvios_ da tradicional ¨rodada do chimarrão¨e na época um dos mais ativos e disciplinados radioamadores , talvez um dos que já tiveram mais prefixo na R.N.R. em razão de sua profissão : militar, hoje no gozo de justa e merecida reforma após longa existência no seio das forças armadas, de onde se afastou com a patente máxima  de General.
          Leunam de Andrade Moniz Ribeiro , atual PY1AE e ex- PY!NO , ex-PY!BT , ex-PY@AM< ex-PY2GU, ex-PY2BCZ, ex-PY1AMA, etc!!!
          foi por intermédio que ingressamos na LABRE e na R.N.R., dai o exemplo que procuramos seguir .
          Seu ingresso na LABRE data de 1938 como sócio contribuinte, vindo a se tornar remido por disposição estatutária após vinte e cinco anos interruptos de qualidade associativa, e seu primeiro prefixo foi expedido no ano imediato estando datada sua licença de 26 de agosto de 1939.
Três dos muitos QSL dos muitos indicativos  com que
já operou o Veterano Leunam, atual PYAE.
          Muitos e muito mais teríamos a dizer sobre esse veterano , não fossem as severas recomendações que recebemos e que por uma questão de obediência e respeito , privamos os nossos leitores de conhecer , o que sinceramente lamentamos.
          Entretanto, já fugindo um pouco do que nos foi observado, deixamos escapar alguma coisa do que foi e ainda continua sendo para a LABRE e para o nosso radioamadorismo um integrante que pode ser considerado como um exemplo a ser imitado por quantos desejem colaborar com uma coletividade e com uma sã atividade.
          muito nos envaidece poder contar em nosso G.V. com figuras como a que acima focalizamos e que, graças ao bom Deus , sabemos existir, embora tentando o anonimato. por uma modéstia que não é justa para um registro da história .
                                                ****************************
O  galã PY1HT... e seu QSL...
          Quem não identificará, logo as primeiras linhas o ¨veterano¨ que vamos apresentar?
          Ei-lo :
          Químico-industrial é a sua profissão, ou melhor , era ; eis que após anos e anos de exerce-la abandonou-a para dedicar-se ... ao comércio de ... ferragens !
          Nessa atividade resolveu por si próprio aposentar-se, por sua conta e risco ... Como se vê é um homem de resoluções imprevistas. Faz o que lhe parece melhor e certo .
          tem dois cristalóides- Walter  e Guilherme - os quais já estão seguindo as pegadas do pai , isto é , tomam gosto pela eletricidade . Este nosso veterano desde pequeno tinha a mania  de rádio, e gostava de ajudar seu velho pai em pequenos reparos que faziam em casa, até um dia em que resolveu colocar os dedos numa tomada de luz para ver e sentir o que acontecia ... e aconteceu ...
          Já aos sete anos começava, sob orientação do pai . onde todos , naquela época se iniciaram : construção de bobinas , cristal de galena e um par de fones , e um dos dias de maior alegria de sua vida foi quando ¨aquilo ¨funcionou e lhe proporcionou escutar a voz de um locutor de estação comercial dando o prefixo da emissora!
          Quando estudante muitas vezes ficou de castigo ( retido na saída) porque durante as aulas estava ocupado com o rádio .
          Certa ocasião seu pai tinha guardado um velho receptor . Um dia apareceu um comprador para o aparelho e qual não foi a surpresa do pai e do interessado ao constatarem que só havia sobrado a caixa .
O ¨miolo¨ fora retirado para outras montagens e esperiências   . E  assim iam os dias se passando até que ao atingir os 17 anos de idade, pela mão de um já radioamador ( também veterano) Jorge Greenhald, PY1GR- ingressou na LABRE , isto no ano de 1937, recebendo a matricula nª 899.
          Seu ingresso na R.N.R. ocorreu no ano seguinte, ou mais precisamente , no dia 14 de julho de 1938, quando então recebeu seu prefixo e licença para operar um equipamento .
          Dizer de seus feitos no DX seria fastidioso já que é o maior caçador de QSL , figurinhas e Diplomas, quer nacionais quer estrangeiros . Colabora nas atividades específicas tomando parte em qualquer concurso de radioamador .

          Quando de seu primeiro QSO teve como ¨padrinho e madrinha¨PY1IO Antonio Portela Neto ( outro veterano ) e PY4EF Iracema Cavalcanti de Albuquerque , sempre operando nos 40 metros > com o advento do SSb transferiu-se com armas e bagagens para as bandas de 10, 15 e 20 metros , assim como realizava incursões pelos 6 metros e VHF. É meio ¨munheca dura ¨no CW mas no ferro de solda costuma saber o que faz conscientemente. Pretende em  Breve operar nos 2 metros, esperando que colegas interessados para tal realização .
          Exigente na cobrança do QSL, já que por ser ( e de fato é ) talvez o melhor pagador de cartão , julga uma desconsideração o não envio do QSL comprobatório do QSO .
          Este o ligeiro apanhado que conseguimos extrair do veterano que há bem pouco andou excursionando pelo Monte Paschoal ( Bahia ) , o prezado e bom companheiro - colega Walter Guilherme Leite de Freitas , PY1HT que muito nos honra com a adesão ao Grupo dos Veteranos . Tnx , Walter !







Fonte : Eletrônica Popular , edição julho / agosto de 1969 volume 27 pág.66,67 e 68 

Nenhum comentário: